Rádio Educadora
Está Tocando Agora

PARADÃO 103

Com Daio Santos até as 18:59
NOTÍCIAS

Postado em: 16/09/2022 às 10:08
0 Visualizações

Município de Candói realiza campanha de vacinação contra Brucelose

O programa atende produtores que possuem um rebanho até 150 animais


Foto:

A brucelose é uma zoonose ou seja, doença que pode ser transmitida dos animais ao ser humano, alem de causar prejuízos econômicos como aborto, repetição de cio e bezerros que morrem logo após o nascimento. Ela é causada por uma bactéria e pode ser prevenida através de vacinação.
A Prefeitura Municipal de Candói através da Secretaria de Agricultura e Pecuária possui um programa que auxilia os pequenos produtores na realização da prevenção desta doença através da vacinação.
A vacina utilizada pelo programa é a B19, que deve ser aplicada em fêmeas bovinas de 3 a 8 meses.
A organização das listas de vacinação ocorre através das 41 associações comunitárias do município, onde o Presidente recebe o calendário antecipadamente e fica responsável por trazer os nomes dos produtores para a secretaria antes da data da vacina, alem disso essas datas são divulgadas através das redes sociais.
Caso o produtor não seja sócio ele precisa assinar um protocolo na Secretaria de Agricultura para sua vacina ser agendada na data da vacina da Associação da Localidade onde reside com a equipe responsável pelo Programa, sendo a Médica Veterinária Ketllyn Voncik e o Técnico em Agropecuária Adenilson Batista da Luz.
O programa atende produtores que possuem um rebanho até 150 animais, conforme a Lei Municipal 1484/2018, devendo o produtor estar presente na data da vacina ou deixar alguém responsável, além disso, as novilhas precisam estar fechadas e apartadas do restante do rebanho em local de fácil acesso. Em caso de mau tempo a vacina é transferida para outra data a ser agendada com o Presidente da Associação na Secretaria.
No ano de 2021, foram vacinadas 3,204 novilhas em 882 visitas nas propriedades, Este ano até a presente data foram vacinadas 1,862 novilhas de 469 produtores, sendo que a previsão esperada é serem vacinadas mais novilhas que a média anual anterior.

Compartilhe essa Notícia