Login Rádio Educadora

Você só precisa fazer login para continuar

Programação Educadora

Interagir com o chat
Recados do programa: Programação Musical

manda um abraço para guarapuava deivid cesar valdo e eduardo

Por Cesar Zanedim em 09/08/2020 às 13:12h
Programa Musica da 103

bom dia zé, mande um abraço pra nos, em especial ao meu pai Jerônimo Borcat e os meus irmãos erineu e elizeu, elineu

Por Elineu Borcat em 09/08/2020 às 11:23h
Programa Prosa e Gaitaço

Ola Bom Dia Loucutora Da Educadora, Sou O João pedro da Rosa Antunes EStou Escutando E Olhando Teu Programa Aqui Em Soledae Rio Grande Do Sul, E Quero mandar Um Abraço Ao Teu Colega, Antonio Crus!!

Por João Pedro Da Rosa Antunes em 03/08/2020 às 11:17h
Programa Super Manhã

Bom dia Tiago, estamos aqui na escuta manda um alo pra nos!

Por Lucas Goes em 03/08/2020 às 09:00h
Programa Manhã 103

BOM DIA .. QUERO PEDIR A MÚSICA RECAIREI COM BAROES DA PISADINHA. OFEREÇO PARA O PESSOAL DO DEPARTAMENTO DE ESPORTE DE RESERVA DO IGUAÇU. CIDE, TAMILA, BRUNINHO E JULIANO. BJS E MUITO OBRIGADA, ESCUTAMOS TODO DIA O PROGRAMA, SHOW DE BOLA.

Por Tamila Siqueira em 23/07/2020 às 09:20h
Programa Manhã 103

Bom dia Zé Moraes, sou Érico Freitas Fontanella, acompanhando o seu programa, vc é TAURA mesmo parabéns, se vc puder roda aí Um Pito, obrigado.

Por Érico Freitas Fontanella em 19/07/2020 às 12:50h
Programa Prosa e Gaitaço

Boa tarde aqui é o Hamilton zorzenão De Curitiba.. Curtindo aqui . Manda um alo pra minha família de Porto barreiro.. Valeu.. abraço

Por Hamilton Zorzenão em 18/07/2020 às 14:28h
Programa Pediu Tocou

Bom Dia Tiago manda um alo pra minha familha ai de laranjeiras e de nova laranjeiras. Edenilson Antonio Cofroski de Primavera do Leste MATO GROSSO.

Por Edenilson Cofroski em 03/07/2020 às 08:41h
Programa Manhã 103

boa noite luizinho luciano Microlan https://www.youtube.com/watch?v=Ozmoe6hSBzo

Por Luciano de Carvalho Polonio em 01/07/2020 às 19:33h
Programa Ferro Velho

Bom dia Sr. Toca a música Lobisomem do Arvoredo do Mano Lima , oferecendo pro Vereador de virmond Cleomar Demétrio (POCA), todinho, e o Felipe, do campo das crianças.

Por Felipe Guilherme Zimermann em 28/06/2020 às 09:16h
Programa Bolicho do Galizé

MANDE UM ABRAÇO PRA MEUS PAIS NO RIO BANANAS SEU DAURI E DONA MARIA BONFIM SUA FAN NUMERO UM SOU A ZERLI DE CASCAVEL

Por Zerli Quadros em 25/06/2020 às 14:16h
Programa Tarde Sertaneja

BOM DIA THIAGO MANDA UM ALO PRA NOS AQUI DA ADE VEICULOS ESTAMOS NA ESCUTA

Por Ade Neneve em 19/06/2020 às 08:16h
Programa Manhã 103

Eai Tiago manda um alo pra nos ai...aqui da Coprossel!

Por Lucas Goes em 18/06/2020 às 08:35h
Programa Manhã 103

Bom dia Tiago . Wilson aqui do Iguaçu abraços

Por Wilson Aires em 18/06/2020 às 07:45h
Programa Manhã 103

Bom dia Tiago, manda um abraço aqui pra nós da Norte Topografia em Candói, estamos ligados na E103 abraço Charles Echer

Por Charles Echer em 17/06/2020 às 09:34h
Programa Manhã 103

Está tocando agora Programação Musical

Menu

Adapar atualiza regras para brucelose e tuberculose

Agronegócio

Em 29/07/2020 às 09:11 hrs

189 visualizações

Agência de Defesa Agropecuária do Paraná publicou portarias sobre regras de saneamento e indenização em casos das doenças. Objetivo é baixar a prevalência e incidência

Adapar atualiza regras para brucelose e tuberculoseAdapar atualiza regras para brucelose e tuberculose

Para melhor alinhar as exigências para identificação e saneamento de casos de brucelose e tuberculose em animais, a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), publicou as portarias 154 e 157, de 17 de julho de 2020. Os documentos complementam a Resolução Estadual número 55 de 26 de junho de 2020, da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento.

A Resolução Estadual nº 55/2020 dispõe sobre novas regras de indenização de proprietários de bovinos e bubalinos com diagnóstico positivo para tuberculose. 

De maneira geral, ela estabelece que a adesão do interessado no modelo de indenização de proprietário de bovinos e búfalos é voluntária e deve atender as seguintes normas: o proprietário de animais positivos para tuberculose deverá encaminhá-los para um estabelecimento sob inspeção oficial (SIM, SIP ou SIF) e realizar o saneamento da propriedade para tuberculose, conforme legislação da Adapar.

Segundo a Resolução, nas propriedades com até dois animais diagnosticados como reagentes positivos para tuberculose, o proprietário ou responsável legal poderá, sem prejuízo da indenização, optar em sacrificá-los na propriedade rural ou encaminhá-los ao abate sanitário em matadouro com inspeção oficial, seguindo os protocolos da Adapar e dos órgãos ambientais.

O requerimento de indenização poderá ser protocolado em qualquer núcleo regional da Secretaria em até 60 dias após o saneamento da propriedade.

A Portaria nº 154/2020 complementa a Resolução nº 55. Ela indica que a determinação do peso do animal vivo será realizada por Fiscal de Defesa Agropecuária da Adapar, acompanhado do proprietário do animal, ou seu representante, e do médico veterinário habilitado responsável pela realização do exame.

O matadouro deverá comunicar à Unidade Local de Sanidade Agropecuária (ULSA) o recebimento e abate dos animais positivos para tuberculose. A Guia de Trânsito Animal (GTA) deverá conter identificação e descrição obrigatória dos animais positivos para tuberculose, com a finalidade de “abate sanitário”.

A Portaria nº 157/2020 estabelece as normas para o saneamento de propriedade com bovino ou búfalo diagnosticado positivo para brucelose ou tuberculose. A partir da detecção do foco, o produtor deve identificar todos os bovinos e búfalos com dispositivo de identificação individual. 

Precisa também realizar exames nos demais animais da propriedade em até 90 dias do abate sanitário ou sacrifício do animal positivo. Todos os procedimentos devem atender as normas de bem-estar animal.

BAIXAR INCIDÊNCIA - O diretor-presidente da Adapar, Otamir Cesar Martins, explica que, com estas medidas, o Paraná busca baixar a prevalência e incidência de brucelose e tuberculose.  “As normativas estão fundamentadas em estudos realizados pelo serviço veterinário oficial do Paraná e esfera federal”, diz Martins. Em 2018, foi realizado o último inquérito soro epidemiológico de brucelose e tuberculose, que deve ser divulgado em breve.

MEDIDAS SANITÁRIAS - Desde 2002, com a implantação do Programa Estadual de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose (PECEBT), o Paraná intensificou as medidas sanitárias para controle e posterior erradicação destas duas doenças.

As estratégias de controle incluem a obrigatoriedade da vacinação contra brucelose para bezerras entre 3 e 8 meses de idade e sua comprovação, realização de exames de diagnóstico para movimentação de animais com destino a reprodução e adesão voluntária a certificação de propriedades livres de brucelose e tuberculose.

DOENÇAS - A brucelose e a tuberculose são doenças crônicas que geram prejuízos ao rebanho, como baixa na produtividade, abortamento, dificuldades respiratórias, entre outras. “As duas enfermidades são zoonoses, portanto as estratégias de combate precisam de atenção da população.

“A Adapar realiza comunicação imediata dos casos detectados em bovinos e bubalinos para as secretarias municipais e a Secretaria  Estadual de Saúde”, explica o gerente de Saúde Animal da Adapar Rafael Gonçalves Dias.

Seja o(a) primeiro a comentar!

Enviando Comentário Fechar :/

Está tocando agora Programação Musical

Com Programação Educadora até às 23:59h