Login Rádio Educadora

Você só precisa fazer login para continuar

DJ Luidy

Interagir com o chat
Recados do programa HITS MEMORY 103

boa noite radio

Postado por Dionatan Marques em 19/09/2018 às 19:29h
Programa Hits Memory 103.

boa noite laranjeiras ta na 103.9

Postado por Cleber Pinto de Oliveira em 24/08/2018 às 20:57h
Programa Hits Memory 103.

sou o barti de galvao sc na audiencia do programa..parabens alguma do engenheiros do hawaii

Postado por Neri Barth em 01/06/2018 às 19:55h
Programa Hits Memory 103.

oi maninha tudo de bem aí em Belo Horizonte

Postado por Luidy Alcântara em 03/05/2018 às 20:26h
Programa Hits Memory 103.

eu quero ouvir roxette :)))

Postado por Elizangela Alcantara em 03/05/2018 às 19:08h
Programa Hits Memory 103.

helloooo Luidy, abração

Postado por Elizangela Alcantara em 03/05/2018 às 19:03h
Programa Hits Memory 103.

Oi toca toto africa um abraço adri guerra p

Postado por Adri Guerra em 27/04/2018 às 19:56h
Programa Hits Memory 103.

Está tocando agora HITS MEMORY 103

Com DJ Luidy até às 20:59h

Menu

Entenda as diferenças entre câncer infantil e adulto

Saúde

Em 10/05/2018 às 11:15 hrs

183 visualizações

Os tipos que acometem as diferentes faixas etárias também não se assemelham

© Pixabay© Pixabay

Atualmente, o câncer representa, no Brasil, a segunda principal causa de morte entre crianças e adolescentes, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), atrás apenas de causas externas, como acidentes e violência. Ainda assim, uma parcela significativa da população não sabe que tanto o diagnóstico quanto o tratamento do câncer infantil são bem diferentes do câncer adulto.

O avanço do câncer infantojuvenil pode se dar de forma bem mais agressiva do que em um adulto, por exemplo, pois as células da criança ainda estão em desenvolvimento. No caso, a divisão celular acontece em velocidade muito maior – por esse motivo, as células do tumor se multiplicam mais rapidamente.

Além disso, o diagnóstico é bem mais complexo. Vivane Sonaglio, oncologista pediátrica e membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica (SOBOPE) explica que as crianças apresentam sintomas que, a princípio, parecem de outras doenças comuns, o que dificulta o reconhecimento de um câncer. “Os sinais são muito inespecíficos. É complicado pensar no diagnóstico, pois, normalmente, a criança pode ter febre, ínguas, dor nos membros, dor na barriga e manchas roxas, que são sintomas muito comuns na infância”, comenta.

Para Viviane é preciso estar atento à persistência dos sintomas e eventuais adversidades. “É muito importante ter um pediatra de confiança, que acompanhe a criança e perceba que o quadro não está dentro do esperado. No câncer, a febre não tem um padrão: pode aparecer em qualquer período do dia, ser alta ou baixa e, normalmente, apresenta um quadro progressivo. As manchas podem surgir em regiões que não são de trauma. É preciso ficar atento em sintomas como: inchaços, aumento do fígado, baço, volume da barriga e dores ósseas que não melhoram com medicação”, explica a oncologista.

Por outro lado, crianças e adolescentes com câncer respondem mais rapidamente ao tratamento do que adultos. Porém, em ambos os casos é preciso estar atento aos sinais e à importância do diagnóstico precoce. “Quanto mais cedo for feito o diagnóstico, menos intenso será o tratamento ao qual a criança será submetida e maior será sua chance de cura”, finaliza Viviane.

 

Fonte: Notícias ao Minuto

Tags:

Seja o(a) primeiro a comentar!

Enviando Comentário Fechar :/

Está tocando agora HITS MEMORY 103

Com DJ Luidy até às 20:59h